Pitacos Fashion

Pitacos sobre moda, arte, cultura e muitas outras coisas. Welcome!

Subscribe to Pitacos Fashion Add to Technorati Favorites Add to Del.icio.us Favorites
jun 20

Fause Haten sempre nos surpreende com suas coleções impecáveis e apresentações inusitadas. A marca FH apresentou na última sexta sua coleção de verão no SPFW. E o Pitacos teve a oportunidade de cobrir o desfile da marca e fazer uma entrevista exclusiva com o estilista!!! Entramos no backstage e contaremos tudo o que aconteceu nesta apresentação super autêntica!!!

Cheio de teatralidade, extremamente performático e nada convencional, o desfile de verão 2011/2012 trouxe modelos que estavam vendadas com máscaras de dormir e que eram conduzidas pela passarela por homens de preto, entre eles o próprio Fause. O silêncio fazia parte da apresentação onde ouvia-se um poema escrito e declamado pelo estilista, sobre uma menina que dorme, Clarisse.

Ao fundo um som de caixinhas de música. Muito sutil e delicado. Acompanhando a apresentação estava um videomaker (Halei Rembrandt) que gravou todo o desfile para um futuro curta/doc.

Foi muito bacana ver a desconstrução do andar das modelos… Parecia que estávamos transportados para aquele mundo de fantasias…

Estive no backstage e vi de pertinho a coleção e posso dizer que próximo é ainda mais incrível. As peças foram trabalhadas com o branco, tons de rosa, verde, amarelo, estampas, cristais e brilhos. Também utilizaram um couro de cabra estampado. Aliás a estampa no couro foi executado pela marca WHEN.

Outro ponto bastante interessante foi o trabalho com  tules como base para malhas geométricas desenhando o corpo como tatuagens.

Clique nas fotos para ampliar

Vi muito contraste entre tecidos leves e pesados. Rendas entremeadas por couro ou sapatos pesados com tecidos leves.

Backstage com todas as roupas do desfile

Na beleza assinada por Ricardo dos Anjos, a ideia é que a modelo estivesse acabado de acordar. Ele escolheu um batom rosado da Chanel e o blush da cor Hipness da MAC para dar um ar saudável e leve. Nos olhos, somente algumas camadas de máscara na parte de cima dos cílios. Os cabelos foram presos em coques e soltos antes do desfile para parecerem bagunçados e com leves ondas.

Modelo sendo maquiada / produtos que foram usados (maioria  MAC) / Ricardo dos Anjos dando entrevista

Backstage Beleza

Veja abaixo o Fause Haten contanto tudo sobre a coleção e a concepção do desfile!!

*Desculpem a camerawoman que começou o filme torto.. kkkkkkk

Obrigada Fause e equipe por ter deixado essa baixinha enxerida entrar no backstage!! rsrsrs

Espero que tenham gostado das novidades!!! Até a próxima

Giovana

Read the rest of this entry »

Escrito por Gi Menni em 20 junho, 2011 | Tags: , ,

jun 19

Essa semana tivemos o SPFW, o que eu acho o evento mais importante de moda para o Brasil. O evento rolou de 13 à 18 de Junho e tivemos 35 desfiles. Por isso que nós aqui do Pitacos Fashion preferimos falar do evento como um todo, mas sem deixar de ter um diferencial. É uma supresinha que será publicada logo mais pela Gi que marcou território pitaqueiro na Bienal. U-huuuu! \o/

O que vou falar aqui é uma visão geral, tipo um resumão de tudo o que rolou e que trocamos ideias sobre durante a semana. Se podemos ‘definir’ alguma tendência através dessa edição, os estilistas (e o comércio também) está apostando no color blocking, na estampa tropical, sendo esta ponto pro Brasil e volume fluído.

No dia 1 já tivemos um desfile bem incomum: Samuel Cirnansck. Suas noivas fetichistas e amarradas não agradaram. A Gi e a Lili não gostaram sequer do desfile, já eu procurei deixar o contexto de lado para observar as peças. Seus vestidos são ricos e eu gostei; dos vestidos apenas. O contexto foi mesmo a cereja desnecessária do bolo. A Animale mandou bem com uma cartela de cores bem calminha pro verão. Reserva é verão RJ, mas agradou. Engraçada essa diferença, que pra mim ainda é quase um paradigma, mas prometo tentar mudar ao longo do tempo, tá?! E achei original o tema indígena e bem artesanal do Tufi Duek.

Samuel Cirnansck

Já o dia 2 começou muito bem, mas os dois últimos desfiles não me agradaram…  O Jefferson Kulig fez uma coleção diferente, com detalhes ricos, mas não agrada meu gosto (pessoal, mesmo). E a Triton quis falar de tantas coisas diferentes e no fim, não falou de praticamente nada. Já Reinaldo Lourenço, Alexandre Herchcovitch e Iódice arrasaram!! Parece que fizeram suaa coleções para pitaqueiras aqui, todas em cores e formas românticas como nós três, kkk! Mas também bem suave, bem fluída, bem trabalhada, bem verão. Pelo menos pra mim, verão tem que ser calmo, pois o calor já é muito forte e eu, particularmente, não gosto. Acho que por isso gostei tanto. A Movimento mostrou uma moda bem brasileira: PRAIA e calor! E a Cori foi bem comercial, clássica e eu gostei, acho que eles casam bem a apresentação (desfile) com o vendável.

Reinaldo Lourenço, Alexandre Herchcovitch e Iódice

Não gostei do dia 3 do SPFW. Parecia coleções de inverno… A mais alegrinha foi a Colcci, mas não gosto muito dos desfiles deles por causa das celebs, estes têm mais enfase que a coleção em si, fora que parece ofuscar as outras marcas que desfilam no mesmo dia. E u até estava ansiosa pelo desfile do Mario Queiroz com sua novidade feminina, mas estava tão sóbrio quanto Cavalera, Glória Coelho, Huis Clos e Osklen.

Ashton Kutcher e Alessandra Ambrósio

No dia 4, Paula Raia trouxe uma coleção com roupas amplas, seu DNA registrado. Maria Bonita não  me agradou muito com sua cartela quase monocromática, embora seja uma coleção que falou do conforto, essencial para o verão. Água de Coco trouxe uma coleção muito linda e inovadora, porém com alguns detalhes pouco usáveis. Priscilla Darolt inspirou-se nos anos 20 e em Josephine Baker, trazendo uma coleção sensual com suas transparências. E a Cia Marítima abusou das descombinações e do bichismo, beirando o perigo.

Cia Marítima

Dia 5 começou com a coleção masculina do Alexandre Herchcovitch Men inspirada na natureza e na caça, com peças utilitárias e não só para o verão. Teve uma cartela de cores bem harmoniosa, de um Alexandre diferente do de sempre, mais suave e alegre, porém não menos urbano. A Neon explicitou bem o color blocking, mas não deixou de lado suas estampas marcantes e divertidas. A Ellus e seu urban-rock vieram mais colorido e deixaram o preto dar espçao ao branco e ao bege. A V. Rom trouxe sua moda esportiva trabalhada mais na alfaiataria com visual atual e confortável com peças chaves e cores neutras. FH foi um show a parte, principalmente pra nós do Pitacos Fashion. Adriana Degreas trabalhou bastante a estampa tropical em sua moda praia de luxo, muito mais para desfiles à beira da piscina que para ir à praia mesmo. Lino Villaventura veio com uma coleção menos detalhista que as anteriores, porém ainda muito sofisticada meclando o preto com cores claras.

Neon

 

Adriana Degreas

E no dia 6 e último, Pedro Lourenço mostrou sua coleção cada vez mais maduro. Trabalhou a alfaiataria, a brasilidade nas estampas e tudo bem explicado para o seleto grupo presente. Depois, João Pimenta trouxe elementos do guarda roupa feminino para o masculino com roupas extremamente livres no preto e braco e um certo color blocking. A Fernanda Yamamoto trabalhou Hello Kitty e natureza surpreendendo, pois não ficou muito caricato, mas sim feminino e um colorido discreto, maduro. Amapô trabalhou bastante drapeados com botões, ombros caídos e peças confortavelmente descontraídas, inclusive nas cores e estampas. André Lima e sua moda festa vieram de preto e branco para dançar com muito tecido e muitas referências (entre elas, africanismos e glamour retrô), achei que os pontos de luz em vermelho e rosa ficaram lindos e sofisticados. E para encerrar esta temporada, Ronaldo Fraga trouxe um verão inspirado nos anos 30 e um carnaval de colombinas e marinheiros, trabalhada numa delicada alfaiataria em preto e branco.

Ronaldo Fraga

 

(Fontes: FFW e Site Chic)

Escrito por Dani Argibay em 19 junho, 2011 | Tags: , ,

dez 26

Bom, semana passada falamos sobre o Natal e todas aquelas dicas continuam valendo não só para o Ano Novo, como pra vida! Só que o Ano Novo aqui no Brasil tem uma tradição muito forte no país inteiro: vestir-se de branco. E essa é uma tradição muito brasileira!

O Ano Novo é conhecido como o fim de um ciclo e início de outro, que é também chamado réveillon, termo oriundo do verbo francês réveiller, que em português significa despertar. É um momento cheio de promessas, esperanças e renovações. É o momento em que muitos traçam objetivos ou adequam as coisas boas que vêm acontecendo para renová-las e darem energia nova para que continuem prosperando. E há muitos rituais pelo mundo para celebrar esta data, como a queima de fogos em Copacabana (Rio), na Av. Paulista (Sampa), no Arco do Triunfo (Paris) e em tantas outra cidades como Lisboa, Londres, Sydney. Dizem que essa tradição é muito antiga e serve para espantar os maus espíritos. Se é verdade não sei, só sei que é lindo!! Na Espanha, costuma-se comer 12 uvas, uma a cada badalada do relógio de Puerta del Sol, localizada em Madrid, para trazer sorte. Em New York, a celebração de Ano Novo é na Times Square, onde uma bola gigante começa a descer às 23h59 até atingir o prédio em que está instalada, marcando exatamente meia noite. E há um costume universal: roupa nova. Acredita-se que usar na virada ao menos uma peça que nunca tenha sido usada reforça o espírito de renovação do Ano Novo. E aqui no Brasil, além do costume de usar branco, muitas pessoas associam a cor da roupa íntima à determinados desejos para o próximo ano. A energia das cores realmente influenciam no nosso comportamento, personalidade e, porque não?, na direção que vamos seguir. Algumas pessoas misturam a cor escolhida ao branco na vestimenta escolhida para a festa da virada, e eu acho super válido. Então, vamos ver o que as cores podem trazer de bom pra gente?

Branco: Tradicional para este evento, representa paz, verdade, sabedoria, calma, dignidade, divindade, harmonia, promove o equilíbrio pessoal, a interiorização e a reflexão. O prata é considerado o branco com brilho, além de ser mais sofisticado, acredita-se que ele reforça as energias do branco com sensações agradáveis e muita energia positiva, vibrante e calmante.

Preto: O clássico e nobre preto… Por carregar uma atmosfera pesada, já que também é a cor do luto, não costuma ser utilizado nesta comemoração. Ainda assim, há quem acredite que esta cor repeli energias negativas, como a inveja.

Azul: A cor da espiritualidade. Atrai força, segurança e credibilidade. E também transmite tranquilidade e garra para iniciativas.

Vermelho: A paixão, o fogo, a vida. Esta cor promove agitação, movimento, atrai paixão, amor e sexo, não exatamente nesta ordem.

Laranja: Uma cor de vibrações enérgicas, de alegria, euforia, senso de humor, conquistas profissionais.

Amarelo: O ouro, o dinheiro, a riqueza! Traz conforto, idealismo, espontaneidade, luz e coragem para seguir adiante.  O dourado, assim como o prata para o branco, é considerado o amarelo com brilho. Da mesma forma, reforça as energias do amarelo, além de ser mais peruástico!

Rosa: Ah, os românticos! A cor do amor puro, de qualquer natureza. Transmite suavidade, sensibilidade, delicadeza, pureza e vibrações ótimas para conduzir boas convivências.

Verde: Esperança. A cor da natureza, leva à sensação de liberdade, de firmeza, atrai boa saúde e, se for neon, atrai muita energia e disposição.

Violeta: Mistério e grandeza. Ótima para a auto estima e para o foco de objetivos, inspira a criatividade e a imaginação.

Marrom: A cor da terra, da solidez.

Nude: Hein? Ué, por que não? Essa cor veio para o verão 2010 e já virou sensação, ouvi falar até que é o novo branco. Vamos combinar que é super elegante e requintado, além de servir de fundo para todas as outras cores que falamos acima. Se for combinado com outras peças ou acessórios neons, fica bárbaro, além da super energia que os tons neons trazem. Fica a dica!

Agora, é só escolher a cor que mais lhe agrada e boa sorte!!

E eu desejo a todos um 2010 muito 10, muito colorido, muito cheio de vida e alegria e de todas as energias boas para o mundo todo!

Escrito por Dani Argibay em 26 dezembro, 2009 | Tags: , ,

dez 19
Eu já disse aqui que a-do-ro fazer aniversário, né? Então, vale complementar que eu também gosto de me cuidar um pouco mais nessa época e ficar lindamaravilhosa para esperar meu ano novo pessoal começar. Afinal, o significado de fazer aniversário é nascer de novo, para mais um ano, mais uma etapa da vida que começa, mais uma renovação! E no Natal? Bom, como todos sabem, o Natal é o aniversário de Jesus. E, portanto, dou a mesma (e devida) atenção a esta data. Pensa: Deus deu de presente para humanidade (ou seja, nós!) seu único filho. Tá aí um dos motivos de presentear nossos queridos nesta data, pois compartilhamos o que temos de melhor dentro de nós com quem amamos. Claro que todo dia é um novo começo, mas traçamos nossa história e, às vezes, paramos e queremos renovar de forma mais grandiosa. Isso acontece quando resolvemos dar guinadas em nossas vidas, às vezes grandes, outras nem tanto assim, mas decidimos fazer mais aquilo que realmente nos preenche e nos faz mais feliz. E para 99% das pessoas, esse é o momento. Mas isso não acontece porque é Natal, assim simplesmente. Acontece por conta da magia e do sentimento de renovação da vida que esta data traz. E como já disse aqui, eu quero porque quero ajudar as pessoas a se descobrirem mais, expressando sua personalidade através de seu estilo.
E isso também vale para o Natal. Que tal cuidar mais de si? Começando por dentro, vai se refletir por fora. Plante um arco-íris no seu coração e deixe o brilho e a alegria das cores expandirem e irradiarem por onde você passar!
Escolha uma roupitcha que te deixe sentir-se linda(o) e confortável, capriche mesmo! Com certeza o Papai do Céu vai ficar muito feliz de te ver assim, tão de bem consigo e vai colocar no saco de presente do Papai Noel tudo aquilo que você mais deseja nesta nova etapa do mundo que vai começar. Algumas dicas?
* Primeira de todas: seja você!
* Escolha peças de qualidade, em cores que realcem sua pele e, que depois, possam ser usadas em outras ocasiões ou que casem com outras peças que você já tenha.
* Lembra que Natal é um aniversário mais que especial? Então, férias ao preto já! ‘Ah, mas é só um detalhizinho, uma estampinha…’ – Então, tá. Mas lembre-se também do arco-íris! ;-) Ah, mas eu tô gordinha…’ – Bem, existem outras cores e formas de disfarçar os quilinhos a mais! Modelagens que valorizem os pontos fortes, como decotes, volume, largura, comprimento, tecido e cor, aplicados em lugares estratégicos. Pretos coloridos e clássicos? Marinho, berinjela, cinza, bege, verde, azul, até o branco ou hit do verão 2010, nude! Vista-se, olhe no espelho e avalie se o que você tem de mais bonito está em evidência ou não.
* Peças versáteis e sem muito detalhe podem ser valorizadas com jóias, bijuterias ou acessórios. E vale lembrar uma ‘regrinha’: quanto menos, mais! Deixe o exagero para Árvore de Natal!
* Mããããs… Se você já tiver um estilo mais peruástica, dica: paetês, tachas e correntes estão com TU-DO!
* Se for uma confraternização da empresa onde trabalha, cuidado com excessos! Mantenha a mesma postura profissional ao se vestir e surpreenda nos acessórios e complementos com um pouco mais de ousadia e modernidade.
* Os mocinhos podem ficar com um look mais descontraído em camisas modernas, jeans, malhas, calça cargo, camiseta pólo. Se for uma festa mais formal, pode até complementar o visual com um blazer com uma pegada mais esportiva. Se não for tão formal, calças esportivas e bermudas em cores neutras ficam bem legais, também. Mas, independente do ambiente, lembre-se que é uma festa! Os trajes ‘praia’ e ‘futebol e cerveja com os amigos’ fica para outro dia!
Então, aproveitem e…
Merry X-mas!!

fonte de pesquisa: www.terra.com.br/moda
Escrito por Dani Argibay em 19 dezembro, 2009 | Tags: , ,