Pitacos Fashion

Pitacos sobre moda, arte, cultura e muitas outras coisas. Welcome!

Subscribe to Pitacos Fashion Add to Technorati Favorites Add to Del.icio.us Favorites
jun 07

E voltando ao assunto musical (amo não tem jeito rsrs) queria dividir outra experiência que tive no início deste ano. A produtora de figurino do espetáculo Evita, Eliana Liu, sempre muito generosa comigo, fez um convite para ajudá-la nas provas dos figurinos da peça. Ela tem uma vasta experiência no ramo e faz muitas parcerias com o figurinista do espetáculo, Fabio Namatame. Foi muito enriquecedor ver o trabalho destes profissionais. Envolve muita gente e muito suor. O resultado é deslumbrante.

O espetáculo tem a direção geral de Jorge Takla, e conta a história da maior diva argentina Eva Perón (Paula Capovilla), desde sua origem pobre, sua carreira como atriz e cantora de rádio, líder política do povo ao lado de seu marido, o general Juan Perón (Daniel Boaventura), e sua morte prematura em 1952, com 33 anos. A peça é narrada por Che Guevara (Fred Silveira), um opositor do governo na história oficial.

clique na foto para ampliar

Tive a oportunidade de entrevistar a Eliana Liu que me contou curiosidades sobre o figurino:

PF) Primeiramente, como foi o processo de criação? Vocês tiveram liberdade para fazer novas propostas ao figurino ou mantiveram um padrão?

EL: O Fabio Namatame, que é o figurinista, foi o criador de todos os figurinos. Acompanhei todo o processo. Ele já fez vários trabalhos com o diretor da peça e tem liberdade para propor idéias, porém deveria manter uma fidelidade quanto a época em que se passa a vida da Evita.

PF) Como foi a pesquisa histórica para compor o figurino dos personagens? Quais foram as referências?

EL: Foi feita uma vasta pesquisa histórica de figurinos. Foram mais ou menos 4 meses de pesquisas. O diretor viajou para Argentina e visitou alguns museus onde pode ver figurinos da Evita expostos. Comprou muitos livros, fotos e vídeos.

PF) Alguns figurinos da Evita foram inspirados nos vestidos de Cristian Dior. Como foi feito o trabalho, foi uma inspiração ou uma reprodução fiel das roupas que ela usava? Vocês tiveram algum contato com a Maison?

EL: O diretor conseguiu alguns croquis com desenhos dos vestidos que a Maison Dior fez para ela. Também conseguimos umas fotos do vestido tomara-que-caia que todos achavam que era branco quando na verdade era pérola meio rosado. Ela usou em um baile. Alguns modelos tentamos reproduzir mas com cores diferentes do original.

Croqui Maison Dior

clique na foto para ampliar

Croquis Figurinos Evita
Vestido original e o figurino

clique na foto para ampliar

PF) Quais foram os colaboradores para fazer os figurinos em especial os femininos?

EL: Fizemos uma parceria com a Daslu (Daslu Couture by Sandro Barros) para confeccionar todas os figurinos da Evita. Para as outras atrizes, usamos diversas costureiras, 2 alfaiates que só fazem alfaiataria feminina e um ateliê especializado em roupas de festa.

PF) Quais tecidos foram usados nos vestidos glamorosos de Evita?

EL: Usamos zibeline, musselines, crepes, lãs frias, tule, tule bordado, veludo e seda.

PF) Reparei assistindo da plateia que os detalhes de acessórios dos vestidos de Evita eram bem nítidos. Como foi o trabalho para que fosse tão visível pelo público?

EL: Alguns vestidos foram bordados à mão. Usamos canutilhos e paetês. As bijuterias mandamos confeccionar. Usamos muito strass importado e alguns cristais Swarowisky.

Vestido original e o figurino

clique na foto para ampliar

PF) Como é o dia-dia de uma produtora de figurino num musical desta grandeza? Quantas pessoas é necessário coordenar? Quantas costureiras, camareiras e parceiros tem de trabalhar para ter  tudo executado no tempo certo?

EL: Em um musical deste tamanho trabalhamos 6 meses todos os dias. Temos que ser organizados, fazer muitas listas de todos os departamentos: sapatos, vestidos, casacos, bijuterias, etc… Coordenar todos os dias o andamento da confecção de tudo e combinar prazos de entrega com todos os profissionais envolvidos além de marcar provas de roupas.

Curiosidades do figurino

- 350 figurinos

- 03 assistentes de figurino                       

- 17 costureiras                                   

- 07 camareiros

- 03 alfaiates masculinos

- 02 alfaiates femininos

- 04 sapateiros

- 07 peruqueiros

- chapeleiro

- ateliê de bijuterias

É muita gente para coordenar, não é??!! Parabéns Liu, a você, ao Fábio e a toda a equipe. Ficou belíssimo!!!

Você pode conferir abaixo o making off do musical com imagens da prova de figurino que falei no início do post!!

 

 

O espetáculo fica em cartaz até o dia 31 de julho no Teatro Alpha!! Vale a pena conferir!!!

Até a próxima

Beijinhos

Giovana

Escrito por Gi Menni em 7 junho, 2011 | Tags: ,

mai 02

Foi de um jeito despretensioso que nos conhecemos. Sem perceber já estava automaticamente marcado aquele encontrinho gostoso onde a gente discutia e trocava experiências… E dali nasceu uma linda amizade e consequentemente o nosso Blog. Somos três meninas com personalidades completamente diferentes… E assim esta troca se torna mais rica…

Por isso SEJAM MUITO BEM VINDOS !!

Como é meu primeiro post oficial, queria contar um pouquinho da minha história aqui no Blog. Sou produtora artística e Consultora de Imagem e trabalho alguns anos com televisão e teatro… No ano passado fiz a produção de uma peça musical muito especial… Por mais que já tenha se passado um tempo do término do espetáculo (acabou em outubro do ano passado), quero compartilhar esta experiência com vocês…

O musical era JEKYLL & HYDE, O MÉDICO E O MONSTRO

 

 

 

 É um espetáculo que conta a batalha entre o bem e o mal, desencadeada por um experimento de um médico, Henry Jekyll, com seu próprio ser. A experiência resultou em Edward Hyde, seu alterego com personalidade assassina. No meio de tudo isso ele se envolve com duas mulheres Emma sua noiva e a prostituta Lucy.

O espetáculo contava com grandes profissionais do teatro musical como Nando Prado, Kacau Gomes e Kiara Sasso com direção geral do americano Fred Hanson.

Mas um dos nossos destaques, além de toda qualidade artística e musical, vinha do figurino assinado pelo estilista Fause Haten.

Tínhamos aproximadamente 150 figurinos em cena. Os tons que predominavam eram escuros e fortes como roxo, verde e dourado e com tecidos brilhantes dando um efeito incrível no palco. As modelagens remetiam à Belle Époque: para as mulheres saias volumosas (para as bem nascidas!!), babados, espartilhos de barbatana e ferro marcando as cinturas (confeccionados pela Madame Sher que é perita no assunto!) e para os homens casacas, mantôs, capas pretas e golas rebuscadas.

O figurino duplo, primeiro do médico Jekyll, era de uma alfaiataria impecável, com calças mais ajustadas. Já Hyde tinha sua marca registrada, um sobretudo de couro com corte da época.

O figurino de Emma, que era moça respeitável, da sociedade, se resumia com tons claros como champanhe e rosados. Como era recatada, usava gola da camisa bem fechada. Os tecidos eram finos.

Lucy, a prostituta, usava sempre corsets, criando uma silhueta super sexy. Usava também calçolas com franjas, que tomavam o lugar das saias. Os corsets, aliás, eram importantíssimos no bordel Rato Rubro esbanjando sensualidade.

O Fause teve super liberdade de criação e tornou o figurino mesmo de época mais contemporâneo. O resultado final ficou lindo lindo!

Você pode conferir aqui a matéria que fizemos para o GNT Fashion contando o processo de criação…

Agora o que acho interessante é que podemos pegar estas referências e transportar para nossa realidade, para nosso dia-dia, duvida?

O corset todo bordado da cena do noivado de Emma está reproduzido a sua maneira na coleção de Emilio Pucci inverno 2012…

A saia de babados também do noivado aparece como referência na coleção do próprio Fause de primavera verão 2010-2011…

O casaco de couro do Hyde está “presente” na coleção de Salvatore Ferragamo inverno 2012…

É só procurarmos que podemos utilizar as idéias de um figurino de época para os dias de hoje…

Enfim, foi um trabalho muito interessante, de muito amor e de muito suor!!Afinal produzir um projeto desta escala não é fácil, não!!!

Até a próxima!

Giovana

* crédito fotos: Fabio Hofnik, Rafael Beck, Caio Gallucci e sites Espaço FH, Emilio Pucci e Salvatore Ferragamo.

Escrito por Gi Menni em 2 maio, 2011 | Tags: , ,